Capitão América: O Soldado Invernal - Review

Captain America: The Winter Soldier (2014)

Por Brian A. Moreira
Poster Sinopse:

Steve Rogers se esforça para abraçar o seu papel no mundo moderno e enfrenta uma nova ameaça de uma história antiga: O agente soviético conhecido como o soldado invernal.

Dirigido por: Anthony Russo, Joe Russo
Escrito por: Christopher Markus e Stephen McFeely
Elenco: Chris Evans, Samuel L. Jackson, Scarlett Johansson, Anthony Mackie, Sebastian Stan, Cobie Smulders e Robert Redford.
Duração: 136 minutos
Gênero: Ação | Aventura

Sem dúvida, este filme põe a MARVEL Studios de volta aos trilhos. Após o decepcionante Homem de Ferro 3 e o apenas 'melhor que o primeiro' Thor: O Mundo sombrio, Capitão America: O Soldado Invernal vem para mostrar que a MARVEL ainda leva jeito pra coisa.

'Capitão América 2' dá a sensação de que este é uma continuação de seu anterior, em vez de uma historinha divertida pós-Vingadores (Estou olhando para você, Homem de Ferro 3). Aqui, o Sentinela da Liberdade precisa lidar com seu passado, questionar se, ao trabalhar para a S.H.I.E.L.D, ele está fazendo a coisa certa, confrontar o sistema corrupto e tomar controle de suas ações, se tornando o líder que ele precisa ser (em vez de se contentar em apenas seguir ordens).

Neste filme os heróis ganham mais espaço para se desenvolver como personagens. Nós podemos criar um vínculo maior com Steve Rogers e também com Natasha Romanoff (a.k.a Viúva Negra), o que é ótimo, pois a heroína não teve (ainda) um filme solo e nós aprendemos tão pouco a respeito dela em Homem de Ferro 2 e Os Vingadores. Sutilmente, a vida amorosa de Steve Rogers está sendo desenvolvida. Nós tivemos a oportunidade de ver Peggy Carter nos dias atuais e também Sharon Carter (aqueles que conhecem um pouco os quadrinhos, sabem o que isso significa), a.k.a Agente 13. O que me deixou um pouco confuso, porque eu jurava que a Sharon Carter seria aquela loira que aparecia constantemente durante Os Vingadores. Ou talvez realmente fosse ela, porém interpretada por outra atriz. Além disso, este filme nos introduz Falcon (Anthony Mackie), parceiro do Capitão América nos quadrinhos.

Captitão America: O Soldado Invernal

No entanto, a melhor coisa sobre este filme é sua impressionante coreografia de luta e suas mind-blowing, incríveis, sequências de ação. E felizmente, as câmeras não tremiam muito nestas cenas e houveram alguns momentos em que podíamos ver perfeitamente Chris Evans e os outros atores fazendo muitas das cenas. Ótimas performances de ação por parte de Chris Evans, Scarlett Johansson, Sebastian Stan e, claro, dos dublês.

Apesar de alguns momentos "deus ex-machina" (como aquele em que Falcon pula às pressas de um edifício sendo destruído e cai dentro do helicóptero, pilotado por Nick Fury), que tornam alguns acontecimentos difíceis de engolir, o filme é muito bem feito. Eu amei e não vejo a hora de assistir de novo.

Sobre Easter-Eggs, cameos e menções

Como é de se esperar vindo da MARVEL Studios, este filme contém uma série de Easter-Eggs interessantes. Logo na primeira cena do filme, onde temos um diálogo entre Steve Rogers e Sam Wilson, vemos um caderninho de anotações onde Steve escreve coisas marcantes sobre a história que ele perdeu enquanto estava congelado. O interessante disso é que a lista que vemos muda para cada nação em que o filme é exibido, cada um com sues respectivos fatos marcantes.

Creio que não seja spoiler eu informar que Doctor Strange é brevemente mencionado no filme, o que intensifica os boatos que haviam sendo espalhados que o estúdio havia planos para um filme solo do personagem.

A participação do Dr. Zola também foi uma surpresa agradável. Lá em 'O primeiro vingador', nós tivemos uma cena onde mostrava como Zola aparentava nos quadrinhos. E aqui em 'O Soldado Invernal' o personagem é apropriadamente retratado dentro de um sistema de computador.

Há duas cenas pós-créditos, assim como em Thor: O Mundo Sombrio. A primeira (okay, definitivamente spoilers à frente) mostra que Baron von Strucker (recentemente confirmado para Avengers: Age of Ultron) está mantendo Mercúrio e Feiticeira Escarlate sob cativeiro (respectivamente interpretados pelos ótimos Aaron Taylor-Johnson e Elizabeth Olsen). A segunda, mostra que Bucky Barnes irá descobrir sobre seu passado e provavelmente eventualmente se tornar um dos mocinhos. Sem falar que a MARVEL está deixando a porta aberta para Bucky tomar o lugar de Steve como o Capitão América, em algum ponto da franquia.

NOTA DO SELVAGERIA:

16/04/2014

Gostou? Compartilhe!

Brian A. Moreira

Brian A. Moreira

Hipotético designer e ilustrador. Diretor do Selvageria. Overthinker, coffee addict and cinema lover. Tudo isso ao som de Beatles!

Contato / Mídias sociais

  • Social Media
  • Social Media
  • Social Media
  • Social Media